Antes de Ter UmTer um Golden

Golden Retriever em apartamento: ter ou não ter?

Uma das perguntas que mais recebo por e-mail, dos visitantes do Golden Retriever Online, diz respeito a ter um Golden em apartamento.

Afinal, é possível criar uma raça desse porte dentro de um apartamento? Quais as restrições de se ter um Golden Retriever no apartamento? Ele será um cão feliz e saudável?

Antes de tudo, devo começar dizendo que o que seu Golden mais precisa é o amor. O carinho do seu dono é a principal fonte de bem-estar de um Golden Retriever.

Mas é claro que nem só de carinho vive um cão.

Ter um Golden Retriever em apartamento é possí­vel, porém requer muito trabalho e dedicação, como não poderia deixar de ser (afinal, ter cachorro é uma decisão que por si só já envolve muita responsabilidade, não é mesmo?).

O Golden Retriever é um cão extremamente dócil e sociável

Isso significa que ele gosta de estar próximo à  família, fazer parte do seu dia-a-dia. Isso inclue ver televisão e ficar nos pés dos donos sempre que possí­vel.

Por outro lado, também é sabido que o Golden é um cão de porte e função esportiva, que precisa de atividade física regular para ser um cão saudável.

Como combinar esses dois lados do perfil do Golden Retriever em um apartamento?

Caso opte por criar um Golden em um ambiente como esse, pense no seguinte:

  • Os Goldens soltam pêlo e seu apartamento ficará cheio deles: considere escovar seu Golden Retriever pelo menos 3x por semana e preferencialmente todo dia. Isso também acontece em casa, mas em apartamento pode ficar mais visível dependendo do tamanho;
  • Será mais difícil mantê-lo longe em momentos como alimentação e hora de dormir;
  • Atividade física é essencial! Faça planejamento para levá-lo a rua pelo menos duas vezes por dia e isso não signifca dar uma volta no quarteirão e sim praticar exercí­cio em pelo menos uma dessas saídas. Longas caminhadas ou uma corrida (se ele já for adulto) caem bem;
  • Se seu piso é liso, por favor troque-o (isso também vale para casas).

Chamarei aqui uma atenção especial em relação ao piso: apartamentos costumam ter o piso liso e escorregadio, o que é péssimo para um Golden Retriever ou outras raças de grande porte.

A raça tem tendência a displasia coxo-femural (por fatores genéticos) e o piso liso potencializa as chances da doença ocorrer, piorando um quadro já existente.

O recomendado é que se aplique um piso anti-derrapante ao apartamento, ou pelo menos àrea em que o Golden Retriever irá ficar.

Existem também ceras anti-derrapantes disponíveis no mercado, mas nada substitui a troca do piso para um adequado.

Na parte dos exercícios físicos, além das caminhadas e/ou corridas, fazer natação é muito legal

Golden Retrievers que moram em apartamentos precisam criar mais massa muscular pois têm menos chance para isso do que aqueles que possuem amplo espaço para correr e se desenvolver.

A natação é o melhor exercício para o Golden, pois além de amarem água, esse tipo de exercício não tem o impacto que existe normalmente quando em contato direto com o solo, sobrecarregando menos as articulações.

Se você ainda está com medo de ter um Golden Retriever em apartamento darei alguns exemplos diferentes:

  • Uma conhecida minha tem um Golden e um Cocker, em um apartamento amplo. O Golden Retriever vai a um canil uma vez por semana para se exercitar, nadar e volta de banho tomado, melhorando sua condição física. Vai a rua 1x por dia;
  • Um conhecido meu tem cães de exposição que ficam dentro do seu apartamento, em áreas pequenas para cada um. Por outro lado, eles vão a praia correr e nadar todo santo dia (mesmo assim, não recomendo que o cão fique em uma área muito restrita, nem que nade todo dia para não prejudicar os ouvidos);
  • Uma outra conhecida tem uma Golden Retriever em um apartamento médio, sai com ela 2x por dia, leva-a para adestramento e costuma viajar com ela, levá-la no carro para os mais diversos locais, são super companheiras e felizes;
  • Outra ainda teve uma Golden Retriever num apartamento minúsculo e se mudou para uma casa grande depois de um tempo, para dar o espaço adequado a ela. Mesmo tendo se desenvolvido em um apartamento pequeno, ela cresceu super bem e hoje é campeã em exposições. Ela fazia natação e exercícios 2x por semana em um canil e corria com a dona de manhã nos 3 outros dias da semana.

Em suma, ter um Golden Retriever em apartamento é possível e muito prazeroso

A verdade é que mesmo em uma grande casa, por serem uma raça muito companheira, os Goldens não ficam por aí correndo sozinhos, tendem a ficar próximos aos donos, então o espaço em sí não é determinante e sim a adaptação do espaço para ele.

Independente de qualquer coisa, lembre-se sempre da sua responsabilidade como tutor, pois essa será uma vida dependente de você por volta de 12 anos e a quem você precisará dedicar tempo, atenção e recursos financeiros.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios